Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

14
Jul14

Sangue vermelho em campo de neve, de Mons Kallentoft

Patrícia

 
SINOPSE:

No Inverno mais frio de que há memória na Suécia, um homem, nu e obesoé encontrado pendurado num carvalho solitário no meio das ventosas planícies deOstergotland. O cadáver apresenta sinais evidentes de violência mas, em volta,a jovem e ambiciosa inspectora Malin Fors só pode constatar como a neve cobriue ocultou para sempre as eventuais pistas deixadas pelo assassino. A únicacerteza é que o macabro achado vai abalar a vida tranquila da pequenacomunidade de província e trazer de volta terríveis segredos há muitoescondidos.
Sangue Vermelho em Campo de Neve -Inverno revela aos leitores portugueses Mons Kallentoft, um autorbrilhante que, com este livro, ocupou de imediato os primeiros lugares nos topde vendas dos países nórdicos e está a ser traduzido pelas mais importanteseditoras na Europa.

 

Chega o verão e as férias e dá-mepara ler policiais. Com a moda dos policiais nórdicos há uma escolha brutal.Confesso-vos que este não é, de todo, dos meus preferidos. Custei a entrar nahistória, a interessar-me pelo crime e acabei a achar que o livro é apenas “assim-assim”.

Do que menos gostei foi mesmo dasdiferentes vozes do livro. Passamos o tempo todo a ouvir a voz da “vitima” quevai comentando o curso da investigação.

Gostei de Malin, a nossaprotagonista, apesar de ficar um pouco triste por verificar que, para se serbom investigador, é sempre necessário ter problemas pessoais, gostar demasiadoda bebida enfim, ter uma vida pessoal nula ou completamente surreal. Talvez nãoesteja a ser justa com o autor mas esta personagem parece-me muito na onda do “herói”dos livros do Jo Nesbo. Mas como disse, gostei desta personagem, que foi muitobem construída.

É fácil perceber que este é umlivro introdutório e com isso acho que perde um pouco (mas talvez seja esseponto que vai enriquecer a história, a ver vamos), há muitas páginas adescrever personagens, a entrelaçar-lhes as histórias, a descrever relaçõesfamiliares que, não sendo fulcrais ou sequer importantes para esta história,terão certamente repercussões mais tarde. Sim, porque este é apenas o início deuma saga com a inspetora Malin Fors como protagonista.
E como os títulos desta saga são fantásticos, não acham? É certo que nunca me lembro deles (trato-os mesmo pelas estações do ano) mas são giríssimos e reconhecidos em qualquer lado (o mesmo que acontece com os três volumes da trilogia Millenium)

Deixo a sinopse e não falo maisdo enredo que, sendo um policial, deve ser apreciado sem spoilers. Uma notapara o final: aquele pessoal lá no norte da Europa é mesmo marado, não é?

1 comentário

Comentar post

Pesquisar

email

ler.por.ai@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Mais sobre mim

Em destaque no SAPO Blogs
pub