Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

12
Fev19

Quem disse que eu não sugiro livros para o dia dos namorados?

Patrícia

Já vos disse que oferecer um livro a um leitor é uma prova de amor e não quero que pensem que não ligo ao dia dos namorados por isso aqui vim fazer-vos algumas sugestões de livros para oferecerem aos e às "mais-que-tudo".

Em primeiro lugar: Senhores, a não ser que saibam que a v/ namorada adora aquele/a autor/a fujam a 7 pés dos livros que vos são sugeridos pelas livrarias. É verdade que alguns deles até podem ser bons mas a maior probabilidade é que comprem gato por lebre. Fujam dos livros com fitinhas, saquinhos, corações ou outros que tal. 

Confesso que quando pensei em escrever este post o primeiro livro que me veio à cabeça foi o "Em parte incerta" de Gillian Flynn mas depois achei que era esticar a corda e que não estava a passar a mensagem certa. Assim limito-me a sugerir o Americanah, da Chimamanda Ngozi Adichie (também pensei no A cor do Hibisco mas também achei que não seria exactamente o ideal... mas é um grande livro) e o A história de uma serva da Margaret Atwood. Para os mais românticos (e para que não digam que não há aqui um grande amor*) sugiro o E tudo o vento Levou, de Margaret Mitchell, Orgulho e preconceito, de Jane Austen o Norte e Sul, de Elizabeth Gaskell,  Terra Bendita de Pearl S. Buck ou O (maravilhoso) Conde de Monte Cristo, de Alexandre Dumas.

 

 

* Não garanto que acabem bem, mas que há amor aqui, há!

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Patrícia 13.02.2019

    Tens toda a razão. Da Peal S. Buck podem ser todos mesmo. Gostei também muito do "A flor oculta".
    Boas leituras
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.