Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

19
Fev20

Este ano quero... comprar mais livros

Patrícia

Sim, leram bem. Este ano a minha decisão é "comprar mais livros". 

Eu sei que a maioria dos leitores tem como decisão de início do ano (sim, eu sei que já estamos a meio de Fevereiro)  "comprar menos livros". E até percebo porquê. E, se tivesse alguma coisa a ver com isso - que não tenho - acharia muito bem. Se é isso que pretendem, força.

Mas eu quero comprar mais livros.

Por um lado, comprar mais livros significa ler mais. E eu ando a ler pouco. Como não sou pessoa de andar a comprar apenas por comprar, só vou comprar mais se, de facto, ler mais. 

Além disso, recuso sentir-me culpada por comprar os livros que me apetecer. Tenho espaço suficiente e a gestão do meu dinheiro é um problema meu. Se a quantia que reservo aos livros não me incomoda, ninguém tem nada a ver com isso. Era o que mais faltava...

Por fim e a razão porque escrevo este post e vos dou a conhecer a minha decisão de ano novo, é que eu gosto muito de ler em português e gosto muito de ler livros de escritores portugueses. Além disso, gosto de ter escolha, gosto que os livros que leio se traduzam e se editem por cá. E isso só acontece se os livros se venderem. E a verdade é que já há poucos leitores, se estes deixarem de comprar vão passar a haver poucos livros disponíveis, as traduções serão cada vez piores (trabalhos mal pagos não podem produzir bons resultados), a revisão que já é, em tantos casos, risível, passará a ser inexistente e aí perdemos todos. 

Além disso comprar um livro é a única forma do escritor ser pago pelo seu trabalho (e aposto como nenhum de vocês trabalha apenas por amor à camisola). Ao contrário do que tantos julgam por aí, um "sim, senhor, gostei" não é forma de pagar ao escritor (a próxima vez que se acharem a última coca-cola do deserto, imaginem o vosso patrão chegar ao fim do mês e dizer-vos "foste brutal este mês" e não vos pagar ordenado). Fico sempre muito triste quando vejo que nem os leitores (ou muitos deles, pelo menos) são capazes de respeitar o trabalho (sim, porque é trabalho) dos escritores.

Quando me apercebo que os leitores esperam, não apenas ler de borla, como ainda um "obrigado" do escritor, uma palmadinha nas costas, um "a minha vida é melhor porque tenho leitores assim", aí fico irritadíssima. E infelizmente, tenho ouvidos muitas histórias deste género nos últimos tempos.

Por isto e porque me apetece: este ano, quero comprar mais, sim!

 

13 comentários

Comentar post