Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

19
Mai18

Da responsabilidade do leitor...

Patrícia

Diz a Márcia, enquanto fala de descontos e outras tentações, na inominável do mês de Abril (ide à ler a revista toda)

Sabem aquela livraria da minha infância? Já fechou. Era um espaço pitoresco com enormes estantes de madeira que cheiravam a óleo de cedro. A livreira estava sempre atrás de uns óculos (muito) graduados e parecia que toda a gente aparecia lá para lhe cortar a leitura (quem consegue não rir com esta situação?). Podíamos passear as mãos pelas prateleiras recheadas, fazer uma pilha e ler um pouco de cada livro até decidir, tudo ao som de música clássica, sentados numa poltrona.

Hoje é um bar. Fico triste quando passo por lá.

A Márcia podia ter-lhe chamado "a responsabilidade do leitor". Não posso concordar mais com este texto. Eu, que tenho um "mau feitio" bem mais acentuado que ela, vou ainda mais longe e imagino um futuro não só sem livrarias como também sem livros de autores portugueses ou sequer livros em português. E eu não quero esse futuro. Eu quero um futuro com livrarias cheias até acima de livros para todos os gostos. Quero um futuro com muita e boa literatura. Quero um futuro em que ler seja normal e habitual. Quero um futuro com escritores, livreiros, livros, editoras e leitores. 

2 comentários

Comentar post