Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

08
Jul14

A cor do Hibisco, de Chimamanda Ngozi Adichie

Patrícia

E quando se gosta tanto de um livro que se torna difícil escrever sobreele, porque sabemos que nada do que possamos escrever lhe fará justiça? Hápoucos livros que somos capazes de recomendar a toda a gente e no entanto eusou capaz de recomendar este “A cor do Hibisco” a todos vocês. Sou capaz de orecomendar a quem gosta de romances simples, de uma escrita simples, sou capazde o recomendar a quem só gosta de “literatura complicada”, porque acredito queé um livro para ser lido e apreciado por todos. Como se pode ter um primeiroromance assim?   E no entanto aChimamanda Ngozi Adichie já voltou a provar, com o Meio Sol Amarelo e com oAmericanah que não foi um engano.

A história de Kambili étudo menos óbvia. Uma menina com tudo para ser feliz, pelo menos aparentemente,com possibilidades económicas muito acima da média (o que, numa Nigériamiserável, faz toda a diferença)  mas quecala em si um segredo monstruoso, capaz de destruir a sua e outras vidas.
Um livro que mostra comoé possível perverter o que é belo, o que deveria ser sinónimo de paz. Quemostra como a escolha individual de cada um é capaz de fazer a diferença.


E mais não digo...

4 comentários

Comentar post