Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ler por aí

Ler por aí

Curtas 41: Feira do livro


Nunca gostei de “ver montras”, atividade muito apreciada portantas meninas. Já em pequenina era assim. Mas sempre abri duas exceções: sapatariase livrarias.
Não sou capaz de passar por uma livraria sem parar.Acontece-me o mesmo em qualquer hipermercado onde as bancas dos livros são esmiuçadascom cuidado. Mesmo quando sei que não vou comprar nenhum livro gosto de os ver.E adoro, adoro feiras do livro.
Lembro-me de em miúda ir às feiras do livro de Loulé eVilamoura onde tinha sempre autorização para trazer um ou dois livros. Amaioria dos meus livros da Agatha Christie, (aqueles que traziam 2 histórias, lembram-se?)e do Sherlock Holmes vieram de uma feira do livro.
Depois, quando vim para Lisboa, deixei-me de feiras do livro– não havia dinheiro para me perder por lá e preferia nem sequer ir.
Nos últimos anos voltei à feira onde a paixão pelos livrosse mistura com boa companhia (certo Cati?), farturas e ginjinha (sim, melhor que apenas um bom livro é juntá-lo às coisasboas da vida). E alfarrabistas, o meu género favorito de livreiros na feira dolivro.
E já há datas para a feira deste ano: 23 de Maio a 10 Junho.Já está na agenda.

12 comentários

Comentar post

Pág. 1/2